Vendas na Web - Anuncios imoveis

Pesquisar imóveis:



Imóveis e imobiliárias em Niquelandia - GO

No portal Vendas na Web você vai encontrar anúncios de imóveis em diversas cidades, entre elas Niquelandia / GO. São anúncios realizados por imobiliárias, corretores autonomos ou proprietários.

Niquelândia é um município brasileiro do estado de Goiás, localizado na mesorregião do Norte Goiano, mais precisamente na microrregião de Porangatu. Sua população estimada pelo ano de 2006 era de 36.963 habitantes numa área de quase dez mil quilômetros quadrados, sendo o maior município goiano.

História

Fundada em 1735 por Manuel Rodrigues Tomar e Antônio de Sousa Bastos, que saíram do Arraial da Meia Ponte (atual Pirenópolis), para desbravam em buscas de riquezas no norte goiano, primeiro chegaram ao atual Trairás (também conhecido como Tupiraçaba), onde encontraram ouro de aluvial, ali fundaram uma vila que perdurou por anos em grande desenvolvimento chegou a ser uma das vilas mais desenvolvidas de Goiás, e foi por um dia a capital do império brasileiro e até hoje possui construções históricas que precisam ser rapidamente restauradas.

Em 1755, funda se o povoado se São José do Tocantins, distrito de Trairás, que cresce as margens do Rio Bacalhau (nome dado pela grande presença desse peixe), onde logo fundaram a igreja de São José, a popular Matriz. A cidade cresce e começa e construir casas ao largo da matriz e começam a existir ruas: Rua direita, Rua da Saudade e Avenida do Cemitério e o Contorno da Matriz.

Em 1833 o povoado passa a categoria de município.

Em 1938, o minerador alemão Helmult Brooks, garimpando na região, descobriu enormes jazidas de níquel, que atraiu exploradores do Brasil inteiro, fazendo com que a vila crescesse rapidamente, em população e riqueza. Em homenagem ao minério que lhe deu riqueza e fama, passou a se chamar Niquelândia.

Atualmente, o município de Niquelândia, com cerca de 9843,170 km², é o maior município de Goiás. O município possui uma das maiores reservas de níquel do mundo, explorada por duas grandes mineradoras: CNT (Companhia Níquel Tocantins), do grupo Votorantin e a Codemim – empresa do Grupo Anglo - América, do Banco Bozzano Simonsen.

Economia

A economia é voltada para a mineração sendo o maior produtor de níquel do estado e um dos maiores do mundo, dividida em duas distintas empresas: Níquel Tocantins pertencente ao Grupo Votorantim e a Codemim pertencente do grupo Anglo América.

São 120 minérios explorados, sendo os principais minérios explorados das empresas estão: cobre calcário, cobalto, mica, ferro, manganês, cristal, ouro, amianto, diamante, quartzo, mármore, além do níquel e subprodutos, até urânio e outros minerais radiativos.

Também existe o turismo na região que é voltado principalmente ao Lago Serra da Mesa, turismo histórico, carnaval que nessa época a cidade tem turistas do estado inteiro, e dizem que é o melhor carnaval do interior goiano. Hoje também o comércio é bem forte na região.

Na pecuária, destaca-se o gado leiteiro e de corte, e uma alta produção na suinocultura, piscicultura, avicultura e apicultura.

Setores de emprego

* Agricultura e gado elevação: 30 unidades empregar 340 trabalhadores
* Indústrias extrativistas (minas): 8 unidades empregar 708 trabalhadores
* Indústrias de transformação: 47 unidades empregar 727 trabalhadores
* Construção: 40 unidades empregar 122 trabalhadores
* Comécio: 478 unidades empregando 1.040 trabalhadores
* Hotéis e restaurantes: 49 unidades empregar 105 trabalhadores
* Transporte e armazenagem; 100 unidades empregar 514 trabalhadores
* Imobiliárias, alugueres e serviços prestados às outras empresas: 68 unidades empregar 235 trabalhadores
* Educação: 17 unidades empregar 119 trabalhadores
* Saúde: 33 unidades empregando 92 trabalhadores

A atividade econômica em bovinos e agricultura

* Bovinos: 220.000 cabeças
* Arroz: 27 km²
* Milho: 76,27 km²
* Soja: 100 km²
* Feijão: 15 km²
* Mandioca: 2 km²

Demografia

Em 2003, a densidade populacional foi de 3,85 hab/km². Em 2003, a população urbana era 25892 e da população rural foi de 12010. A população cresceu em cerca de 4000 habitantes desde 1980. Entre 1991 e 2000 a taxa de crescimento geométrico foi -0,61.%. Houve uma diminuição de -2,41.% Entre 1991 e 1996, mas, em seguida, a população recuperou. A taxa de crescimento da população é fortemente influenciado pela indústria mineradora.

IDH

Ranking no IDH

* Longevidade: 68,04
* Taxa de alfabetização para adultos: 0,823
* Taxa de freqüência escolar: 0,864
* IDH: 0,740
* Ranking Estadual: 105 (num total de 242 municípios)
* Ranking Nacional: 2160 (5507)

Dados de 2000


Administração

Distritos

* Indaianópolis 37km
* Muquém 45km
* Tupiraçaba 12km
* Vila Taveira 45km
* Quebra-Linha 72km

Subdivisões

Niquelândia tem atualmente divida em 31 bairros mas também dividida em Niquelândia e Jardim Atlântico, mas tudo é apenas uma cidade.

* Águas Claras
* Alvorada
* Alto Paraíso
* Aurora
* Bela Vista
* Belo Horizonte
* Boa Vista
* Centro
* Colina Park
* Conjunto Seta
* Everest
* Jardim Atlântico I
* Jardim Atlântico II
* Jardim Atlântico III
* Jardim Ipanema
* Macedo Novo
* Macedo Velho
* Machadinho
* Maracanã
* Nossa Senhora do Carmo
* Primavera
* Recanto do Sol
* Santa Ifigênia
* Santo Antônio
* São José
* Servilha Park
* Soares
* Sol Nascente
* Vila Mutirão
* Vila São Paulo
* Vila São Vicente
* Trevo


Urbanização

Niquelândia tem 80% das ruas pavimentadas, e apenas 10% do esgoto coletado centrado no setor Belo Horizonte e Centro. Praticamente todas as ruas são iluminadas e são quase 100% de casas com energia eletrica e água encanada.

A estrutura de concreto mais alta da cidade é a torra da Igreja Matriz.

Principais avenidas

* Avenida Anhangüera
* Avenida Bandeirantes
* Avenida Bernardo Sayão
* Avenida Brasil
* Avenida Getúlio Vargas
* Avenida Radial Norte

Praças

* Praça Silva Júnior
* Praça do Cisalpino
* Praça da Câmara
* Praça da Matriz
* Praça do Jardim Atlântico
* Praça do Colégio São José

Geografia

Niquelândia possui uma altitude que varia de 550 a 660 metros. Nas áreas mais elevadas, como morros e montanhas, a altitude pode variar de 700 metros a 1400 metros (nos pontos extremos como picos).

O município de Niquelândia possui 9.847 Km², o maior do estado de Goiás, cobertos de montanhas e vales, num perfeito trabalho da natureza, constituindo-se num paraíso ecológico de pura beleza, seu ecossistema é o cerrado, garantindo-lhe uma excelente produção agrícola, A quase totalidade de suas terras são agricultáveis e o farto manancial de águas faz com que se desenvolva grandes lavouras irrigadas, aumentando sensivelmente a sua produtividade.


Clima

Niquelândia possui um clima quente e seco no inverno e quente e úmido no verão. No inverno, as temperaturas mínimas podem alcançar os 15ºC e as máximas, aproximarem-se dos 30ºC. No verão há ocorrências de chuvas constantes que podem durar três dias seguidos (isso devido à umidade amazônica). Há pouca amplitude térmica durante o ano.

Hidrografia

Dentro da Bacia Hidrográfica Tocantins - Araguaia, Niquelandia tem abundancia em água, é riquíssima em mananciais e córregos totalizando mais de 100. Tem rios de grande porte como: o Trairás e o Maranhão.

Vegetação

A vegetação de Niquelândia são de árvores arbustista típicas do Cerrado goiano, são árvores baixas de galhos retorcidos, casca grossa e as folhas são expessas para evitar a transpiração, com arbustos altos e raízes muito profundas, para que durante a estação seca possam buscar água no lençol freático, na maioria das vezes maiores do que as proprias árvores.

Fauna

A fauna de Niquelândia são os animais típicos do cerrado brasileiro, como: onças, veaodos, emas, lobos-guará entre outros animais. Também é rica em peixes destacando o Tucunaré e a trairás.

Geologia

O terreno que abriga Niquelândia é da era pré-cambriana, com muitas serras, vales, montanhas e por esse motivo rico em minérios como o níquel. Támbém a muitas terras cultivaveis e também muitas pedreiras espalhadas pelo município.

Educação

Em 2004, o sistema escolar tem 23 pré-escolas primárias (17 públicas), com uma matrícula de 1485, 27 escolas primárias e com matrícula de 8832, 9 escolas secundárias (3 público), com uma matrícula de 2553. Há um campus da Universidade Estadual de Goiás. A taxa de alfabetização para adultos foi de 84,4% em 2000.

Escolas públicas

* Colégio Estadual Paulo Francisco da Silva
* Colégio Estadual Joaquim Maria de Godoi (Polivalente)
* Colégio Estadual Tomás Adorno
* Colégio Estadual Joaquim Taveira
* Colégio Estadual Francisco Santiago

Municipais

* Colégio Municipal Juscelino Kubitscheck de Oliveira
* Colégio Municipal Manuel Rodrigues Tomás
* Colégio Municipal Joana D'Arc
* Colégio Municipal Bartolomeu Bueno da Silva
* Colégio Municipal Padre Valentin
* Colégio Municipal Agostinho Nunes
* Colégio Municipal Quirino Martins (Baunilha)
* Colégio Municipal Duque de Caxias (Indaiánopolis)
* Colégio Municipal Santo Antônio (Quebra-Linha)
* Colégio Municipal Nossa Senhora da Abadia (Muquém)

Privadas

* Colégio Coerente
* Colégio Exito
* Colégio Santa Mônica
* Colégio Tiradentes
* Instituto Pedagógico
* Sesi

Ensino superior

* Universidade Estadual de Goiás (UEG)
* Colégio Êxito
* Colégio Tiradentes
* Senai

Saúde

Em 2002 havia 19 estabelecimentos total saúde (10 públicas). Houve 4 hospitais (01 públicos), com um total de 172 leitos. Havia 45 médicos, 11 enfermeiros, 9 dentistas. A taxa de mortalidade infantil foi de 26,40 em 2000.

* Hospital Municipal Santa Efigênia
* Hospital Dona Elisa Campos
* Hospital Santa Marta
* Hospital Nossa Senhora da Abadia
* OSEGO

Transporte

São três ônibus coletivos.


Turismo

O turista encontra muitas opções de lazer, espalhadas em quase toda a sua extensão. A 28 km da cidade há a Gruta de São Bento, de rara bela. As serras que cortam o Município propiciam o surgimento de diversas cachoeiras como a do Pai Chico, descoberta pelos bandeirantes no século 18. Como a região conserva ainda intactos quase 60% de sua vegetação natural, cortada por mais de cem córregos, o turista se desfruta de diversas quedas de águas de uma rica fauna e flora, com áreas de camping sem a ação depredadora do homem. O lago originado na barragem da Hidrelétrica de Serra da Mesa, com 130 km de extensão só no município de Niquelândia é outra grande atração turística, além de um imenso potencial para prática de esportes aéreos, aquáticos e terrestres e também o Balneário Bucaína no caminho para Uruaçu que é muito procurado.

No povoado de Tupiraçaba (antiga Traíras) existe uma verdadeira galeria a céu aberto, mostrando as ruínas de uma cidade que já foi importante pólo econômico do Estado e que já foi capital brasileira por 24 horas, quando o Imperador D. Pedro II por ali passou e pernoitou na cidade.

Outras atrações são as Igrejas São José e Santa Ifigênia, com os altares mais ricos do Brasil, feitos de ouro puro e o Centro Cultural, antiga Casa da Intendência, que guarda objetos, roupas, livros e máquinas antigas e as casas da Rua Direita.

Pontos turísticos

* Balneário Bucaína Camping Clube – situada a 37 km da cidade
* Cachoeira do Muquém – situado na região do Muquém, fica a 48km de Niquelândia.
* Cachoeira de São Bento – situado a 44 km de Niquelândia
* Cachoeira do Pai Chico – a cachoeira se divide em duas quedas de água, a distancia entre elas e de 35m. Situado a 40km da cidade.
* Gruta de São Pedro - situada a 28 km da cidade, o acesso é difícil pela região ser serrana.
* Gruta do Cocal – situado a 28 km da cidade.
* Lagoa Santa – localizado na região do Mosquito, situado a 21km da cidade.
* Pedra da Pinqueira – pedra bastante alta. Chama a atenção por ficar sozinha com árvores em volta e cheia de bicos. A pedra da Pinqueira tem dois salões, com distância de 400 metros entre eles. Situado a 30 km de Niquelândia

Festas tradicionais

* 20 de janeiro - São Sebastião
* Fevereito (data movél) - Carnaval
* 19 de março - aniversario da cidade
* Maio ou Abril - semana santa com apresentação da Via Sacra
* Junho - Festa do divino Rspirito Santo
* 25 de julho - Congada
* Ultima semana de julho - Festa da pecuáia
* 5 a 15 de agosto - Romaria do Muquém
* 15 de setembro - Romaria da cachoeira

Monumentos históricos

Igreja de Santa Ifigênia

Construída pelos escravos, por volta de 1790, foi construída pelo fato dos escravos não poderem freqüentar os centros religiosos dos brancos construíram a igreja. Era mais conhecida como Irmandade dos Congos. Na época, foi construído um pequeno cômodo, junto à parede esquerda da igreja, a frente da sacristia para alojar o vigia, a fim de impedir roubos, mas também a depredação do monumento por caçadores de tesouros.

No segundo semestre de 1981, a Irmandade dos Congos, sentindo-se imponente para obter os recursos para a manutenção da casa de sua padroeira transferiu a sua administração para a paróquia, visto ser o vigário da época, Frei Francisco Kramek, bastante dimânico e capaz de obter ajuda para sua restauração.

Estilo de arquitetura é colonial, com paredes de adobe. Sua estrutura é de aroeira e o piso de cimento batido.

Sua imagem original foi enviado para Uruaçu, por medo de roubo da capela, mas em Uruaçu a imagem foi furtada, e assim Niquelândia perdeu sua imagem de Santa Efigênia.

Outros

* Casarão Secular
* Centro Cultural Senador José Ermínio de Morais
* Igreja Matriz São José
* Praça no Trairás
* Rua direita
* Ruínas da Igreja de Nossa Senhora da Conceição
* Ruínas da Igreja de Nossa Senhora do Rosário
* Ruínas do Cartório de Tupiraçaba

Anúncios de proprietários, corretores e imobiliárias em Niquelandia / GO:

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Niquelandia. Acessado em 15/02/2008.